VACINA

COLÉGIO FREINET

VACINA

Micheli de Melo Santos

Resumo

Esse projeto apresenta alguns tipos de vacinas, suas finalidades, formas de aplicações e proteções.

Palavras-chave: Mettzer. Formatação. Trabalho acadêmico.

Introdução

Vacina é uma substância produzida com bactérias ou vírus (ou partes deles) mortos ou enfraquecidos. Ao ser introduzida no corpo do ser humano, a vacina provoca uma reação (imunização) do sistema imunológico, promovendo a produção de anticorpos (leucócitos) contra aquela substância. Desta forma, a vacina prepara o organismo para que, em caso de infecção por aquele agente patogênico, o sistema de defesa possa agir com força e rapidamente. Assim a doença não se desenvolve ou, em alguns casos, se desenvolve de forma branda.

Desenvolvimento

1-BCG

1.1-o que é

É feito pelo bacilo de Calmette e Guérin, obtida pela atenuação do Mycobacterium Bovis, algumas das bactérias que transmitem uma Tuberculose.

1.2-Indicações da vacina

Contra a Tuberculose.

1.3-Doses necessárias

A vacina é feita em dose única, normalmente aplicada no recém-nascido, é indicada para ser o mais cedo possível.

1.4-Administração da vacina

É aplicada preferencialmente no braço direito, é intradermática, ou seja, as inserções entre as epiderme e a pele. Se faz uma pequena cicatriz.

2-Hepatite B

2.1-O que é

Há dois tipos de vacinas contra hepatite B: a de primeira geração contém partículas virais obtidas do plasma de doadores do vírus, inativadas pelo formal; a segunda geração é preparada por método de engenharia genética e obtida por tecnologia de recombinação do ADN( ácido desoxirribonucleico). As duas vacinas utilizam hidróxido de alumínio como adjuvante e o timerosal como conservantes. O uso da vacina recombinante, isto é, a obtida por engenharia genética.

2.2-Indicações da vacina

Contra Hepatite B

2.3-Doses necessárias

É administrada em dose única em bebês ao nascer, no entanto, a imunização continua sendo feita por meio da vacina Pentavalente ao 2,4 e 6 meses de vida, na fase adolescente dependendo da situação vacinal 3 doses.

2.4-Administração da vacina

É administrada vai intramuscular profunda, no músculo vasto lateral da coxa; em criança com mais de 2 anos pode ser aplicada na região deltoide.

3-Pentevalente

3.1-O que é

É composta por Toxoides de Difteria e Tétano, suspensão celular inativada de Bordetella Pertussis, antígeno de superfície de Hepatite B (HBS-AG), e oligossacarídeos conjugados de Haemophilus Influenza do tipo B. Foram feitas as vacinas combinadas para diminuir as injeções.

3.2-Indicações da vacina

É indicada contra Difteria, Tétano, Coqueluche, Hepatite B e doenças causadas por Haemophilus Influenza tipo B.

3.3-Doses necessárias

Aplicação de três doses, com intervalo de 60 dias(mínimo de 30 dias), a partir de dois meses de idade. Os dois reforços necessários serão realizados com a vacina DTP (Difteria, Tétano e Coqueluche), o primeiro reforço aos 15 meses de idade e o segundo reforço aos 4 anos.

3.4-Administração da vacina

Dose de 0,5 ml da vacina por via intramuscular, no músculo vasto lateral da coxa, em crianças menores de dois anos de idade e na região deltoide nas crianças acima de dois anos de idade.

4-Vip

4.1-O que é

É produzida a partir de vírus vivos atenuados em cultura de células derivadas especialmente de tecido renal de macacos da espécie Cercopthecos Aethiops. Contém os três tipos de poliovírus atenuados(tipos I, II e III). Contém conservantes(antibióticos) e termoestabilizador (por exemplo cloreto de magnésio e aminoácidos ou sacarose).

4.2-Indicações da vacina

Contra a Poliomielite (uma doença viral que pode afetar os nervos e levar à paralisia parcial ou total).

4.3-Doses necessárias

Três doses a partir dos dois meses de idade,obedecendo a um intervalo de 60 dias entre as vacinações; é dada aos dois, quatro e seis meses de vida do bebê.

Reforço deve ser aplicada entre os 15 e os 18 meses e depois aos quatro anos de idade, pode ser tomada anualmente nas campanhas de vacinação.

4.4-Administração da vacina

Deve ser administrada por via injetável e oral apenas na terceira dose, dada aos 6 meses de idade, cada dose oral corresponde a duas gotas que equivalem a 0,1 ml.

5-Vorh (Rotavírus)

5.1-O que é

É monovalente, composta pelo tipos RIX4414, a vacina oferece proteção cruzada também contra outros sorotipos de Rotavírus.

5.2-Indicações da vacina

Contra Rotavírus ( vômito, diarreia com fezes em caráter aquoso, aspecto gorduroso e febre alta).

5.3-Doses necessárias

Duas doses, sendo a primeira aos 2 meses e a segunda aos 4 meses de idade. Intervalo mínimo de 30 dias entre as doses.

5.4-Administração da vacina

É administrada exclusivamente pela via oral.

6-Pneumocócica 10

6.1- que é

Para a prevenção das doenças causadas pela bactéria Streptococcus Pneumoniae, a vacina contém 10 sorotipos da bactéria, o mais comuns(1,4,5,6B,7F,9V,14,18C,19F,23F). Porém existem variações em que mudam as Quantidades de sorotipos como a 7-Valente e a 13-Valente.

6.2-Indicações da vacina

Contra a bactéria Streptococcus Pneumoniae, entre elas estão: Meningite, Pneumonia, Otite média aguda, Sinusite e Bacteremia.

6.3-Doses necessárias

Aos 2 e 4 meses de idade é administradas duas doses de 0,5 mililitros, com reforço que pode ser dado aos 12 meses, mas que poderá ser tomado até os 4 anos em dose única.

6.4-Administração da vacina

É dada por injeção intramuscular, na área do vasto lateral da coxa da criança, não deve ser administrada por via intravascular ou intradérmica

7-Meningocócica C

7.1-O que é

É utilizada para prevenir as doenças provocadas pela bactéria Neisseria Meningitidis do sorogrupo C, está bactéria pode ser a causa de infecções graves, as vezes, até fatais. A vacina é considerada a forma mais eficaz na prevenção.

7.2-Indicações da vacina

Contra a bactéria Neisseria Meningitidis do sorogrupo C. Causa problemas como a sepse e a Meningite.

7.3-Doses necessárias

É ministrada em duas doses aos 3 e 5 meses de idade, ou com intervalo mínimo de 30 dias e depois com um reforço aos 12 meses. Já para os adolescentes, a vacina pode ser aplicada dos 12 a 13 anos de idade.

7.4-Administração da vacina

Pela via intramuscular profunda, de preferência na área mais próxima da frente e de fora da coxa da criança.

8-Febre amarela

8.1-O que é

É constituída de vírus vivos atenuados(cepa 170), a vacinação frequente que impede que a doença se espalhe mesma em áreas endêmicas. É preciso que ao menos 80% da população seja imunizada.

8.2-Indicações da vacina

Contra o vírus da família dos flavivírus, um tipo de vírus que causa doenças em humanas e em outros vertebrados. Transmitida por meio de picada de mosquitos que existem três espécies que são capazes de transmitir o vírus.

As espécies de mosquitos Haemagogus e Sabethe transmitem a febre amarela silvestre e a Aedes Aegypti transmitem a febre amarela urbana.

8.3-Doses necessárias

O calendário da vacina reformulou com a nova regra indica que uma pessoa que já tomou a vacina não precisa se revacinar, mesmo que essa dose tenha sido ministrada há mais de 10 anos. As únicas exceções são para pessoas que tomaram a dose fracionada da vacina e para crianças de 9 meses a 5 anos de idade.

8.4-Administração da vacina

É feita pela via subcutânea.

9-SRC (Tríplice Viral)

9.1-O que é

É uma combinação de vírus vivo atenuados contra o Sarampo,a Caxumba e a Rubéola, todos os três componentes desta vacina obrigatória são altamente imunogênicos e eficazes, dando imunidade duradoura por praticamente toda a vida.

9.2-Indicações da vacina

Contra o Sarampo,a Caxumba e a Rubéola

9.3-Doses necessárias

A primeira dose aos 12 meses e a segunda aos 15 meses de idade. Pessoas que não se vacinaram quando bebês, será ministrada em 2 doses para quem tiver até 29 anos de idade, e em dose única para pessoas após os 30 anos.

9.4-Administração da vacina

A injeção é feita via subcutânea no braço.

10-Hepatite A

10.1-O que é

A vacina imuniza contra vírus VHA, causador da hepatite, ele é usado inativo,ou seja, com pedaços mortos do vírus, portanto não apresenta contraindicações e é considerada opcional.

10.2-Indicações da vacina

Contra Hepatite A que é a inflamação(irritação e inchaço) do fígado causada pelo vírus.

10.3-Doses necessárias

É feita 1 dose,que pode ser tomada a partir dos 15 meses até os 23 meses. Crianças que não foram vacinadas nesse período podem receber uma dose da vacina entre 2 e 4 anos.

10.4-Administração da vacina

Via intramuscular, aplicada no braço.

11-HPV Quadrivalente

11.1-O que é

A vacina funciona estimulando a produção de anticorpos específicos para cada tipo de HPV. A proteção contra a infecção vai depender da quantidade de anticorpos produzidos pelo indivíduo vacinado e a sua persistência durante um longo período de tempo.

11.2-Indicações da vacina

HPV (vírus do Papiloma humano,na sigla em inglês) infecta cerca de 80% da população. Eles são classificados em oncogênicos (que pode causar câncer) e não oncogênicos (que causam verrugas genitais).

11.3- Doses necessárias

É feita em duas etapas, a segunda dose é aplicada depois de seis meses da primeira. Atualmente pelo SUS.

11.4- Administração da vacina

De injeções intramusculares no músculo deltoide no braço

12-Dupla adulto (DT)

12.1-O que é

A vacina dupla contém a bactéria inativa de Difteria e do tétano, a diferença entre a vacina tipo infantil e tipo adulto é que a última contém menor quantidade da bactéria causadora da Difteria.

12.2- Indicações da vacina

Contra a Difteria( doença causada por um bacilo Toxicogênico) e tétano é uma doença transmissível não contagiosa,que apresenta duas formas de ocorrência: Acidental e Neonatal.

12.3-Doses necessárias

Pode ser adotados dois esquemas: ou três doses aplicadas com intervalo de dois meses entre a primeira e a segunda e de seis meses entre a segunda e a terceira, no esquema de 0,2,8; ou três doses aplicadas com intervalo de dois meses no esquema 0,2,4. O aumento do intervalo entre as doses não invalida as anteriores e,portanto, não exige que se reinicie o esquema. Além disso, ela deve ser reforçada a cada 10 anos por toda a vida.

12.4-Administração da vacina

Intramuscular profunda,preferencialmente no vasto lateral da coxa.

Referências

feito

Use agora o Mettzer em todos
os seus trabalhos acadêmicos

Economize 40% do seu tempo de produção científica