RESENHA FÍLMICA DE AVATAR

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO PARÁ

RESENHA FÍLMICA DE AVATAR

MILENA LOPES DA SILVAUNIVERSIDADE DO ESTADO DO PARÁ

O filme Avatar pode ser considerado uma grande reflexão sobre o comportamento do ser humano atualmente. O filme gira em torno de uma expedição de cunho científico que visava descobrir mais sobre o planeta Pandora, entretanto, esta expedição também tinha interesses econômicos, pois no local onde os nativos viviam tinha uma pedra extremamente valiosa.

Para poder explorar melhor o local, os cientistas criaram o programa avatar, no qual são desenvolvidos corpos com DNA humano e DNA dos nativos. Jake, cujo seu irmão gêmeo morreu antes de ser mandado para a missão, fica designado a se conectar em um dos avatares, juntamente com a pesquisadora que comanda o programa, mas eles acabam se envolvendo emocionalmente com a comunidade nativa, e tentam lutar contra a destruição destes organismos. 

Um ponto importante a se comentar é o fato de que Pandora é um planeta extremamente rico em biodiversidade, repleto de plantas e animais de uma singularidade impar, o intuito do corpo científico era justamente estudar todo esse ecossistema e a interação entre esses organismos, que era bem específica, diferente de qualquer coisa já vista, se essa relação fosse no mundo real, poderia facilmente ser comparada as comunidades indígenas, por conta da sua conexão com a natureza. 

Esta produção cinematográfica não é somente um filme de ficção científica, ele tem raízes muito mais profundas. No enredo pode-se perceber uma reflexão acerca da sociedade, mais precisamente sobre a história da sociedade, onde um povo habitava um determinado local, tudo era próspero, havia paz e respeito, então de repente um outro povo passou a apresentar interesse naquele local, e sem qualquer tipo de consideração pelos seres vivos que já o habitavam, invadiram o lugar e consequentemente o destruíram. 

Apesar de toda a tecnologia que os seres humanos já possuíam, eles queriam mais, e nesta busca incessante por poder muitas vidas foram perdidas, destruíram espécies de plantas com um potencial altíssimo, muito provavelmente plantas que salvariam vidas, com toda essa guerra entre os navis e os humanos todo um ecossistema foi mexido, organismos perderam sua interação com outros organismos, e os que não morreram tiveram que mudar de habitat. O programa avatar foi criado para que os humanos pudessem andar livremente por Pandora, tendo em vista que a sua atmosfera era inóspita para o organismo humano, entretanto ao analisar os acontecimentos ao decorrer do filme, pôde ser visto que os humanos que foram altamente tóxicos para aquele local e todos os que viviam lá.

Figura 01 - Momento em que os humanos atacam os nativos.

Imagem

Fonte: Youtube

No final, Jake se naturaliza navi, após uma árdua batalha os militares são expulsos, e somente os cientistas são autorizados a permanecer, para que enfim possam realizar suas pesquisas. 

Use agora o Mettzer em todos
os seus trabalhos acadêmicos

Economize 40% do seu tempo de produção científica