PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR MARCOPOLO

UNIVERSIDADE PAULISTA

PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR

UNIP

Orientador:

Resumo

Este é o resumo do seu projeto. Ele é um elemento obrigatório pelas normas da ABNT e o tamanho recomendado é de 150 a 500 palavras. Nele você deve apresentar de forma sintética os pontos principais do trabalho. Utilize a terceira pessoa do singular, na voz ativa. Procure utilizar frases claras, afirmativas e evite enumeração de tópicos. Ressalte o objetivo, o método, os resultados e as conclusões obtidas no estudo. A primeira frase deve destacar o tema principal do trabalho. Abaixo do resumo você encontra as palavras chave, que serão utilizadas para a catalogação dos trabalhos na biblioteca. Utilize de 3 a 5 palavras separadas por ponto.

Palavras-chave: Mettzer. Formatação. Trabalho acadêmico.

Abstract

This is your abstract. The abstract follow the same rules from Resumo, and usually is it's translation. The same rules are applied to the keywords.

Keywords: Mettzer. Formatting. Academic work.

Como nasce um ônibus

Para entendermos como toda a logística de uma encarroçadora (nome designado a fabricantes de ônibus) vamos entender como “nasce um ônibus”.

Primeiramente um grupo de designer e engenheiros desenham um modelo atendendo as necessidades de mercado como licitações de cada cidade, as características de diferentes regiões do país, legislações de transito e os produtos da concorrência. Após a criação o projeto segue para a linha de montagem.

A linha de montagem é dividida em vários seguimentos: Primeiro o chassi, que vem da montadora que pode Mercedes-Benz, Volkswagen, Volvo etc., encima dele é montado a gaiola estrutural e nela são coladas em alta pressão as chapas de ferro que compõem a carroceria.

Após esse processo o veículo segue para pintura e depois para toda a parte de acabamento como janelas, forros e poltronas, faróis, parte elétrica e tudo conforme solicitação do cliente.


Historico


Em 6 de agosto de 1949, os irmãos Nicola - Dorval Antônio, Nelson, João e Doracy Luiz - abriram as portas da Nicola & Cia, uma pequena oficina de chapeação e pintura de cabines de caminhões. Ainda em 1949, a empresa produziu seu primeiro ônibus. A carroceria era feita de madeira, sobre uma estrutura de alumínio, que levou três meses para ficar pronta, já que foi toda montada de forma manual. O veículo deu origem a uma série, produzida a pedido da Transporte Pérola. Em 1952, foi produzida a primeira carroceria metálica e, em seguida, os primeiros chassis fabricados no Brasil.

Poucos anos depois, o pavilhão de dois andares e 290 m² já não suportava mais o aumento da demanda de produção. Na primeira década de vida, foram produzidos cerca de 600 unidades. Em 1957, os irmãos Nicola começaram a erguer a segunda sede, com 3.100 m², no recém loteado bairro Planalto. O terreno foi cedido pelo dono da área com o objetivo de incentivar a ocupação da região. Próximo do fim da construção, a liquidez da empresa acabou. Para não paralisar a linha de produção, a Nicola & Cia abriu o capital e formou uma sociedade anônima.[9]

A década de 1960 foi muito importante para a empresa. Nos primeiros anos iniciaram as exportações para o Uruguai. Em 1968, a Nicola S.A. apresentou o primeiro ônibus monobloco do país, montado sobre a plataforma do Mercedes Benz O.326. O possante ônibus - o motor possuia 200 HP - marcaria para sempre a história da fábrica. Nas versões rodoviário, rodoviário com toalete e carro leito, o ônibus foi batizado de Marcopolo, em homenagem ao famoso viajante veneziano. O sucesso foi tão grande que o nome virou razão social da companhia. Em 1969, a empresa adquiriu a Carrocerias Eliziário, de Porto Alegre.[9] Em 1971, passou a denominar-se Marcopolo S.A. Carrocerias e Ônibus.

Em 1992 se consolida a MARCOPLO S.A.


1.1 Marcopolo S.a.

Possui 10 fábricas espalhadas em todo mundo e seus ônibus estão presentes em mais de 100 países.[

Segundo a Fundação Dom Cabral, a Marcopolo é a 10ª empresa mais internacionalizada do Brasil.[21] Possui unidades fabris na América do Sul, América do Norte, África e Ásia:

Fábricas:

• Metalpar Argentina S.A., Loma Hermosa Argentina

• Marcopolo Rio, Xerém, Rio de Janeiro

• Marcopolo, Unidade Ana Rech, Caxias do Sul, Rio Grande do Sul

• Marcopolo, Unidade Planalto, Caxias do Sul, Rio Grande do Sul

• Marcopolo, Unidade São José dos Pinhais, Paraná

• Volare Veículos, Unidade São Mateus, Espírito Santo

• Superpolo S.A, Cota, Cundinamarca Colombia

• Polomex S.A., Monterrey Mexico

• Marcopolo South Africa, Johannesburgo Africa do Sul

• Auto Components Co., Ltd., Jiangyin China

• GB Polo, Suez Egito

• Tata Marcopolo Motors (Dharwad), Dharwad India

• Tata Marcopolo Motors (Lucknow), Lucknow India


PRINCIPAIS PRODUTOS E SERVIÇOS

A linha da Marcopolo, que atua no mercado com marcas próprias como Marcopolo e Ciferal, além da marca Volare, com a qual atua na produção de ônibus de pequeno porte, está atualmente na sétima geração.

Rodoviários

• Paradiso New G7 1050

• Paradiso New G7 1200

• Paradiso New G7 1350

• Paradiso New G7 1600 LD

• Paradiso New G7 1800 DD

• Viaggio G7 900

• Viaggio G7 1050


Figura
O autor (2020)




Intermunicipais

• Audace

• Audace 1050

• Ideale 770 MT (2006 - atualmente)

• Ideale 600 (2006 - atualmente)

Urbanos

• Torino 2014

• Torino 2014 Express

• Torino 2014 Low-Entry

• Torino S

• Viale BRS

• Viale BRT

• Viale DD Sunny

• Viale DD Sunny

Midis e micros[

• Senior urbano

• New Senior rodoviário

• Senior Midi urbano, escolar e rural

• New Senior urbano


Logistica Marcopolo

A Logistica na Marcoplo

Logística é parte fundamental e umas das principais razões do sucesso da Marcopolo que para atender a demanda de seus clientes se utiliza de logística própria.

Por ser uma operação bem especifica, a empresa opta por utilizar sua própria mão de obra em suas operações internas.

A empresa opera no regime Puxado de produção, ou seja, o cliente faz o pedido, faz a escolha do produto, define qual o fabricante do chassi , configuração da carroceria, estofamento dos bancos, posicionamento de itens de segurança e conforto, pintura e/ou decalques que a carroceria receberá. Feito isso o projeto do modelo segue para a linha de produção, que já conta com certo estoque de suprimentos para atender a demanda de clientes de certo período.

Dai em frente começa a nascer o ônibus que vai ser montado sobre toda a estrutura do chassi, que é o coração da maquina, onde vai o motor ,suspenção e caixa de rodas e segue para diferentes setores da fabrica como a aplicação da carroceria, assoalho, bancos , vidraçaria e acabamentos.

Com o ônibus já pronto, são feitos todos os testes de motor, resistência da carroceria e dirigibilidade, Dai segue para a entrega ao cliente .O principal destino é São Paulo, que funciona como hub . Dali são distribuídos para o resto do País. Também tem muitos veículos que são entregues por via rodoviária (rodando) destacando que, além do transporte rodoviário, a empresa usa os modais marítimo e aéreo. E também conta com CD próprio em todas as unidades no Brasil.

Os fatores cruciais para a escolha da Marcopolo por seus clientes são :

• a qualidade : com certificado ISO 9001 (desde 1996) Comprometimento e o aperfeiçoamento contínuo e a satisfação do cliente durante todo o ciclo de desenvolvimento do produto.

• flexibilidade : o cliente escolhe como quer o produto e a empresa faz.

• Confiabilidade: empresa líder de mercado com mais de 70 anos de experiência .

FLUXO LOGISTICO

Como já expilicado, a empresa segue o seguinte fluxo logístico:



Posicionamento no Mercado

A empresa é líder no mercado de rodoviários e micro-ônibus e tem 50% do volume de vendas de todas as carrocerias no Brasil, com exceção do estado de São Paulo, principalmente na cidade de são Paulo onde a sua principal concorrente CAIO INDUSCAR domina o mercado de veículos urbanos, de transporte coletivo em massa, mas isso acontece porque um dos principais grupos de empresários do setor de transporte público do município, o Grupo RUAS, também é acionista da empresa. Acredito que também por conta da distância da fábrica Marcopolo da cidade acaba em maior custo logístico para empresa já que a Caio Induscar fica na cidade de Botucatu, a poucos quilômetros de São Paulo.

Acredito que se houvesse uma grande negociação que gerasse um grande pedido, talvez a empresa acharia uma forma de “diminuir a distância” São Paulo Rio Grande do Sul. Mas a empresa vem tentando diminuir essa distância com a inauguração em junho de 2018 de uma filial na cidade de são Paulo, esta mais voltada para serviços e showroom.

COVID 19

Para se adaptar a nossa nova realidade a empresa vem adotando medidas de segurança criando novas adaptações nos veículos para a diminuição do contagio pelo Coronavirus , criando nova disposição das poltronas com distanciamento, cortina de separação dos passageiros, novos tecidos para facilitar a desinfecção dos veículos. Para isso foi criado O BIOSAFE, um conjunto de adaptações que pode ser instalado em qualquer veiculo da marca, gerando maior segurança aos usuários e também manter a lucratividade da empresa neste momento critico.

Logística reversa

A empresa participa de um programa de reciclagem de resíduos de compósitos , porém na minha opinião e’ muito pouco dado ao volume de vendas e que a empresa acaba deixando por conta de seus clientes a reciclagem dos metais usados nos veículos , por isso não é tão difícil de vermos “cemitérios de ônibus “ espalhados pelo país.



CONTABILIDADE

Balanço Patrimonial exercício 19/20  (Valores em Mi)


Figura 1
Fundamentus.com


Demonstrativo de resultados do PERÍODO 19/20

Figura
O autor (2020)


Analise Contábil

Conforme analise dos dados, pode-se comprovar que a empresa teve aumento no ativo circulante em média de 1,5% a.a. , porém o lucro vem diminuindo consideravelmente no último semestre devido a pandemia do Corona vírus.

Enquanto no ano de 2019 se teve um lucro de 69 mi , neste ano em seis meses se arrecadou apenas 5 mi, provavelmente fechará o ano com media de queda de 80% nos lucros.

Liquidez da empresa

Analisando a liquides se vê que a empresa é solida e que dispõe de recursos para pagamento das dividas. Se somado as contas do ativo o resultado é mais que o dobro do passivo no período.

As maiores dividas da empresa são com fornecedores e com financiamentos , porém pelo histórico de anos anteriores, está na média do que a empresa pode arcar.

Notoriamente não se vê investimento no ativo imobilizado, variação de valores dessa conta, em média 10 a 15% , provavelmente se deva a valorização dos imoveis já adquiridos pela empresa.



Estatística Aplicada

Ativo Total da empresa - Aumento semestral

É possível notar pelo gráfico que a empresa teve aumento gradativo do Ativo , mas com a média de 3.704.063, mostra que a empresa é solida e tem condições de arcar com suas despesas.




Figura
O autor (2020)



Grafico de vendas


No gráfico, percebemos que a maior parte das vendas da empresa é de veículos rodoviários, mas que, segundo a empresa esse setor foi afetado negativamente a partir de 2018 devido a entrada em vigor da regra que obriga a instalação de elevadores em todos os modelos fabricados no Brasil. Vê-se também que o modelo micro vem ganhando espaço em vedas.

Figura
O autor (2020)


Grafico 3




Tabela
Vendas Marcopolo     
Ano20152016201720182019
Viação Garcia5438446791
Viação Cometa1107610179113
Itamarati Transportes2844579877
Viação 100193785411245
Santa cruz Transportes3266318288
Transwolff2113143341
Princesa do Ivai1534504545
Itapemirim Transportes5649681238
Viação São Geraldo2525334329
Transpen4578663454
O autor (2020)




Figura
O autor (2020)


Vendas 2019


Quadro
Vendas 2019xififrfa
08 I - 3521,522/10*100=20%2
35 I- 6248,544/10*100= 40%6
62 I - 8975,522/10*100=20%8
89 I -  11310122/10*100=20%10
     
Média    
21,5x2=43    
48,5x4=194 Media: 59 Veicilos por empresa  
75,5x4=151    
101x2=202    
     
Mediana    
35 + (5-2)-2 /  4 Mediana: 36,5  
     
Moda    
37    
Amplitude    
101-21,5=  79,5    
O autor (2020)


Referências

feito

Use agora o Mettzer em todos
os seus trabalhos acadêmicos

Economize 40% do seu tempo de produção científica